A medicina é uma das áreas de atuação que mais se transforma com o tempo. Muitas recomendações de procedimentos diagnósticos e terapêuticos de 5 anos atrás já são consideradas antigas e sem validade científica.

Podemos atribuir isso tudo, pelo menos em grande parte, à tecnologia, que vem permitindo o desenvolvimento de técnicas, medicamentos, tratamentos e diagnósticos cada vez mais sofisticados, menos invasivos e mais seguros para os pacientes e profissionais.

Por isso, podemos afirmar que medicina e tecnologia caminham juntas em busca do cuidado com a saúde e melhor qualidade de vida. Leia o texto para saber mais sobre o assunto!

Como a tecnologia pode beneficiar a medicina?

A tecnologia vem trazendo inovação e benefícios para profissionais de saúde e pacientes em relação a procedimentos cirúrgicos, medicamentos, técnicas inovadoras, procedimentos diagnósticos, tratamentos, formas de promoção e prevenção e tecnologias em geral que melhoram a saúde e qualidade de vida da pessoa.

Afinal, se não fosse pelo avanço tecnológico ainda estaríamos realizando cirurgias sem anestesia e metade da população morreria com infecções bacterianas simples, sem a descoberta da penicilina. A tecnologia é o meio pelo qual a medicina avança, se desenvolve e melhora.

Em relação à prevenção na área da saúde, as diversas tecnologias utilizadas permitem a detecção precoce de alterações que antes eram possíveis de serem identificadas. Exames com alta sensibilidade, como a ressonância magnética e a tomografia computadorizada, permitem a identificação de doenças ou condições ainda no início, o que permite um tratamento menos agressivo e com maior chance de sucesso.

Outros exemplos de medicina e tecnologia

Outro exemplo de tecnologia diz respeito ao mapeamento do DNA, que permite identificar as alterações em genes específicos relacionados a diversas doenças.

As formas de tratamento podem ser as que mais avançaram com a tecnologia. Foram criados medicamentos mais eficazes e com menos efeitos colaterais, técnicas cirúrgicas mais certeiras e menos invasivas e vários outros procedimentos e conhecimentos que permitem que doenças antes consideradas “letais” sejam adequadamente tratadas.

Além dos benefícios diretamente ligados à saúde que a tecnologia trouxe, ela também traz benefícios em relação a:

  • gestão em saúde — o uso das ferramentas digitais vem facilitando a gestão em saúde em hospitais, clínicas e consultórios. Os processos tornam-se automatizados e práticos e há maior segurança das informações dos pacientes e do estabelecimento de saúde;
  • marketing na área de saúde — o meio digital é, atualmente, a principal forma de marketing na área de saúde, assim como em outras áreas;
  • comunicação com o paciente — foram criadas diversas ferramentas que facilitam a comunicação com o paciente, incluindo aplicativos específicos para este fim.

Como os médicos podem utilizar a tecnologia a seu favor?

Agora que você entendeu como medicina e tecnologia são grandes aliadas na busca da qualidade do cuidado em saúde, listamos algumas dicas de como você pode utilizar a tecnologia a seu favor. Isso, consequentemente, aumenta a qualidade do atendimento e beneficia também os pacientes.

1. Sistemas de gestão médica

Como citamos, a gestão na área da saúde é uma das subáreas que tem se beneficiado muito com os avanços tecnológicos. E uma das principais ferramentas que tem trazido esses benefícios é o sistema de gestão médica. Esses sistemas são softwares de gestão especialmente criados para a área de saúde, com ferramentas específicas para a gestão médica.

Os sistemas auxiliam o gerenciamento de hospitais, clínicas e consultórios por meio da tecnologia da informação. Eles utilizam diversas ferramentas que possibilitam a gestão administrativa, gestão financeira e gestão dos pacientes que são atendidos. O trabalho antes realizado de “forma braçal” agora é totalmente automatizado, agilizando todo o processo de trabalho.

Para isso, os sistemas contam com várias ferramentas:

Os melhores sistemas são aqueles em nuvem, nos quais a plataforma pode ser acessada de qualquer dispositivo (celular, computador, tablet). Isso permite que, por exemplo, o médico dê uma olhada nos horários de consultas do próximo dia no conforto de sua casa.

2. Prontuário eletrônico

O prontuário eletrônico é uma das ferramentas de sistema de gestão e consiste na reunião de todas as informações do paciente de forma digitalizada. Isso quer dizer “adeus” ao prontuário de papel.

O paciente chega pela primeira vez para o atendimento e o prontuário eletrônico é aberto com suas informações pessoais. A partir daí, todo atendimento, consultas, prescrições e resultados de exames serão armazenados dentro desse prontuário, que pode ser acessado pela plataforma online.

Os sistemas ainda permitem que os prontuários sejam personalizados de acordo com a especialidade que é atendida. Em pediatria, por exemplo, o prontuário pode contar com um espaço destinado para o registro das vacinas.

Se estiver junto a um sistema em nuvem, o prontuário também poderá ser acessado de forma remota por qualquer dispositivo. O que facilita muito a vida do médico para se preparar antes das consultas.

3. Bulário online

O médico aprende uma lista interminável de conceitos durante a faculdade e a residência. Precisa associar sinais e sintomas a doenças e exames e se lembrar de tudo isso na hora do atendimento. Sem contar com os conhecimentos referentes aos medicamentos e dosagens.

Para lembrar disso tudo, uma ajuda pode ser bem-vinda, não é mesmo? Principalmente no que diz respeito aos medicamentos, que possuem muitas opções e longas listas de contraindicações.

Para isso, hoje a maioria dos médicos usa um bulário online que contém todas as informações necessárias referentes aos medicamentos, que incluem:

  • princípio ativo;
  • indicação;
  • contraindicação;
  • posologia;
  • interações;
  • efeitos colaterais.

Utilizar um bulário online é uma forma rápida, prática e segura de realizar o atendimento, otimizando o tempo de consulta. O principal bulário online é o bulário eletrônico da Anvisa, que é disponibilizado de forma gratuita no site.

Medicina e tecnologia

Estas são apenas alguns exemplos de como medicina e tecnologia são aliadas na área de saúde. Existem ainda diversas outras ferramentas tecnológicas que auxiliam médicos e outros profissionais de saúde na assistência aos pacientes.

É importante que o profissional esteja sempre atento ao surgimento de novas tecnologias e aberto a incorporá-las no seu dia a dia de atendimento na área da saúde.

Gostou do texto de hoje? Então aproveite para compartilhar com os amigos em suas redes sociais!

Autor

Escreva um comentário