Quando começam a carreira, muitos médicos não veem outra alternativa a não ser o credenciamento em planos de saúde. Afinal, trata-se de uma forma mais prática de trabalhar até se firmar no mercado e conseguir atender um maior número de pacientes por consulta particular.

Essa transição, é claro, apresenta alguns desafios aos profissionais. Sabendo disso, elaboramos este post com o objetivo de ajudá-lo a ter êxito nesse processo. Se você se interessa pelo assunto, continue a leitura até o fim e aproveite as dicas!

Como se preparar para essa mudança?

Você provavelmente passou um bom tempo de sua vida se dedicando para passar no vestibular de medicina. Depois disso, enfrentou longos anos de estudos entre a graduação e a residência. Especializou-se e já atendeu muito por meio dos convênios. Ou seja, nada mais justo do que se preparar para abrir seu próprio consultório, não é mesmo?

Atender mais por consulta particular é o desejo de qualquer profissional da área da saúde, já que é sinônimo de autonomia em relação aos serviços prestados. Há, ainda, a real possibilidade de alcançar uma remuneração mais satisfatória.

Antes de tudo, entenda que essa mudança demanda um planejamento devidamente estruturado. É fundamental levar em conta, por exemplo, se a melhor opção é abrir um lugar para as consultas sozinho ou em sociedade.

Depois, é preciso analisar se você tem um número mínimo de pacientes para começar a atender. A gestão de uma clínica envolve uma série de procedimentos e recursos e, sem pacientes, você pode encontrar algumas dificuldades para mantê-la nos primeiros meses. Sendo assim, tenha consigo uma reserva financeira e conte com o apoio de um especialista de mercado e/ou um contador para dar seus primeiros passos.

Como atender mais por consulta particular?

1. Mostre as vantagens aos pacientes

O atendimento via plano de saúde nem sempre sai do jeito que o paciente julga como ideal. O alto número de pessoas a serem atendidas e o próprio mecanismo imposto pelos convênios acabam atrapalhando a atividade principal do médico: a consulta.

Considerando esses fatores, o ideal é que você mostre as vantagens do atendimento particular aos pacientes mais interessados. Explique, sem desmerecer a condição do tratamento atual que, em sua própria clínica, você dispõe de melhores condições para recepcioná-los, principalmente em relação ao tempo.

A tecnologia também é uma poderosa aliada nessas ocasiões. Há a possibilidade de recorrer a alguns softwares desenvolvidos especialmente para médicos e disponibilizar comodidades que o paciente nem sempre tem nos planos de saúde. Poder marcar a consulta pela internet, acompanhar os exames online e receber notificações sobre os agendamentos são exemplos de diferenciais bastante interessantes.

Para os pacientes fidelizados ou que fazem tratamentos longos, você pode oferecer alguma espécie de desconto nas consultas. Assim, também aumenta a chance de conseguir que eles indiquem você a outras pessoas.

Convença, também, pela organização e pela recepção. Apesar de parecerem meros detalhes, se sentir confortável na sala de espera tende a gerar uma impressão positiva a respeito de seu trabalho. Essa mesma noção pode ser aplicada ao tratamento dado por suas secretárias e recepcionistas.

Enfim, certifique-se de apresentar todas as vantagens possíveis das consultas particulares. Afinal, nelas é possível dedicar mais tempo e dar mais praticidade a quem se interessa pelo seu trabalho.

2. Invista em marketing

O marketing médico ainda tem seu potencial inexplorado por uma boa parte dos profissionais. No entanto, esse conjunto de ações tem muito a oferecer para quem deseja fazer mais consultas na própria clínica.

Em termos resumidos, ele tem duas finalidades: fortalecer o vínculo que você já tem com determinadas pessoas e aumentar sua visibilidade perante o público geral. As estratégias utilizadas para esses objetivos variam bastante de abordagem, sendo diretas ou indiretas.

A título de exemplificação, a presença digital pode ganhar força a partir de um uso estratégico das redes sociais, que são úteis tanto para os consultórios quanto para a sua apresentação profissional. A ideia, nesse caso, é expandir seu nome no mercado e, com isso, realizar um bom número de consultas particulares.

Dito isso, recorra a uma agência ou consultoria especializada no tema. Aos poucos, os resultados aparecerão e você terá seu nome cada vez mais valorizado e identificado com a excelência médica.

3. Ofereça praticidade

Conseguir ser atendido pelos planos é uma das grandes dificuldades enfrentadas pelas pessoas, não é mesmo? Muitas vezes, a espera e as complicações relativas ao agendamento acabam causando uma certa insatisfação.

Retomando o que foi exposto na primeira dica, tente, ao máximo, mostrar todas as praticidades de marcar pelo particular. Isso não precisa ser feito de forma invasiva ou direta, é claro. Porém, assim que tiver a oportunidade ou surgir o interesse, faça com que o paciente se sinta contemplado.

Nesse sentido, as ferramentas de gestão podem ajudar bastante, já que otimizam uma parcela muito significativa de diversas etapas envolvidas no atendimento. Isso implica em agendamentos descomplicados e ágeis, entre outras funcionalidades. Confira, logo abaixo, alguns exemplos:

  • prontuário eletrônico;
  • agenda online;
  • solicitação de exames;
  • encaminhamentos;
  • emissão de documentos fiscais;
  • avisos via SMS sobre as consultas marcadas;
  • cadastro de pacientes;
  • controle financeiro;
  • prescrições;
  • atestados e declarações.

Algumas soluções são totalmente focadas na satisfação dos pacientes, com o intuito de levar o máximo de comodidade para eles e facilitar diversos processos que fazem parte do cotidiano de sua equipe.

Experimente gratuitamente alguns softwares do gênero disponíveis no mercado e veja como eles interferem na percepção interna e externa do consultório.

4. Fidelize

Fidelizar alguém no atendimento particular significa a recorrência de consultas. Fazer isso com várias pessoas, implica a agenda cheia. Portanto, desenvolva meios de cativar todo e qualquer paciente, já que isso pode até ser mais interessante do que direcionar seus esforços para captar novos interessados.

Também é válido ressaltar que, agindo desse modo, é provável que você seja recomendado frequentemente e tenha a chance de ser procurado constantemente.

A consulta particular é, sem dúvidas, o caminho que muitos profissionais da medicina desejam percorrer. Por isso, é fundamental se preparar adequadamente e aproveitar as oportunidades.

Se você gostou deste texto, aproveite para conferir outras dicas para médicos em início de carreira, afinal, elas podem ajudar muito em seu crescimento!

Autor

Escreva um comentário