A carreira médica é uma trilha que deve ser traçada com responsabilidade, organização e conhecimento, para almejar destaque perante os demais concorrentes na mesma especialidade clínica.

Além dos saberes científicos e da busca por pesquisas fundamentadas e metodologicamente confiáveis, é fundamental investir nos campos emocional, físico e gerencial, com o objetivo de ser o melhor e de oferecer o melhor.

Sendo assim, é aconselhável que a carreira médica seja projetada para atender uma demanda crescente, ao mesmo tempo em que satisfaça interesses profissionais e financeiros próprios, além de manter a motivação para conseguir se aperfeiçoar cada dia mais.

Quer saber mais sobre como construir uma carreira médica de sucesso? Então, não perca as dicas que daremos no post de hoje!

Como ter sucesso na carreira médica

1. Invista em conhecimento clínico relevante

A informação científica e clínica chega aos olhos dos médicos em tempo real, principalmente com o acesso à internet. Uma conduta terapêutica que outrora fosse recomendada pode ser contraindicada veementemente conforme surgem novos estudos sobre o tema.

O volume de dados, obviamente, é superior à capacidade do profissional de assimilar novos conhecimentos. Por isso, é preciso escolher ferramentas úteis e efetivas para buscar as informações mais relevantes.

Selecione os sites científicos mais condizentes com seu perfil de atuação e procure estar atento a páginas já reconhecidas no ramo, inclusive aquelas mantidas por outros médicos. É importante compreender as principais bases de dados clínicos e analisar sucintamente as pesquisas conduzidas em relação ao nível de evidência, estando sempre atento a novas publicações que tenham grande repercussão.

2. Exerça uma boa comunicação com os pacientes

comunicação é uma estratégia que deve ser bem trabalhada para evitar interpretações erradas e má adesão ao tratamento. Para tanto, é fundamental que compreender o nível de letramento em saúde do paciente e estar sempre disposto a conversar com objetividade e clareza.

Esse nível de entendimento sobre o estado de saúde que o paciente apresenta não tem relação com o grau de escolaridade, embora pessoas menos escolarizadas precisem de maior atenção na hora de explicar tanto o diagnóstico quanto o tratamento. Dessa forma, o critério para exercer uma comunicação eficiente deve se basear no nível de compreensão da doença e do tratamento, com o máximo de abertura possível a dúvidas que possam surgir.

O médico deve adaptar sua linguagem de forma a sensibilizar o tipo de paciente em prol das mudanças de comportamento ou da adesão ao uso dos medicamentos prescritos. Em algumas situações, pode ser necessária a orientação clínica manuscrita além da prescrição medicamentosa.

3. Pratique a empatia com todos

A empatia é a capacidade de se colocar no lugar do outro e perceber os sentimentos do outro individuo. No campo da saúde, é preciso ir além desse quesito e exercitar a humanização, que ajudará, inclusive, a captar mais pacientes através da recomendação daqueles que já consultaram com você.

As técnicas de humanização devem ser trabalhadas conforme o tipo de paciente e as percepções que foram observadas ao longo da consulta devem ser observadas para entender os propósitos de quem procura a consulta. Isso porque, atualmente, médicos estão equipados com diversas tecnologias a favor do diagnóstico e da terapêutica e acabam por direcionar suas condutas apenas com base nessas ferramentas, promovendo uma interação literalmente técnica.

É preciso conciliar a tecnicidade com a avaliação subjetiva do paciente para o que o tratamento seja efetivo, seguro e, principalmente, conveniente para o indivíduo. Assim, é importante considerar quesitos como capacidade de adquirir os medicamentos, orientações quanto ao uso e outras observações pertinentes.

4. Cultive hábitos saudáveis

Um dos maiores erros que os profissionais cometem atualmente é a sobrecarga de trabalho. Encaixam consultas extras em consultório, realizam cirurgias, plantões noturnos, atendem aos finais de semana, dentre outras diversas atividades. O profissional estressado tende a cometer erros clínicos mais graves em virtude do cansaço, por falta de concentração, sonolência e pouca percepção do ambiente, além de se sujeitaram aos riscos que a vida sedentária traz consigo.

Por isso, é crucial manter uma alimentação equilibrada, investir no sono reparador para as atividades diárias e fazer exercícios físicos regularmente, para manter a disposição e evitar um colapso eminente. Tenha sempre horários separados para as refeições e atividades físicas.

5. Mantenha uma rotina organizada

O cotidiano de um profissional de saúde é intenso e complexo em suas atividades. Dessa forma, é preciso organizar horários de consulta e ainda determinar um tempo para tarefas pessoais, intervalos para exercícios físicos e aquisição de novos conhecimentos.

Além disso, em semanas atípicas, como naquelas em que há um congresso, o planejamento dos horários se torna mais crítico, pois demanda reorganização da agenda antes e depois do evento. Por isso, é fundamental manter todos os compromissos de forma organizada e objetiva, sempre com uma agenda, planner ou planilha de fácil acesso.

Nesse sentido, o uso da tecnologia é um grande aliado para facilitar a visualização das tarefas e verificar os horários ociosos. Para ajudar nessa organização há muitas ferramentas, que vão desde a agenda dos dispositivos móveis, passando por plataformas com múltiplas funções, como a xDoctor, até os softwares desenvolvidos especificamente para consultórios médicos.

6. Invista em marketing pessoal

Os profissionais clínicos que são referência em sua especialidade devem divulgar suas habilidades em diversos canais de comunicação, para atrair novos pacientes e aumentar a produtividade do consultório. O marketing pessoal é algo que deve ser praticado gradativamente, ressaltando principalmente as atividades clínicas diferenciadas, a formação universitária e a percepção dos pacientes em relação ao atendimento do profissional.

As estratégias de marketing pessoal podem ser feitas no site da clínica, com linkagem para o currículo lattes do profissional, pela divulgação de informes em saúde para atrair a curiosidade dos pacientes, dentre outras ações previamente planejadas. Investir em um blog e nas redes sociais podem ser ótimas formas de atrair novos pacientes e de fidelizar aqueles que já consultam com você.

7. Desenvolva o networking

Além do marketing pessoal, que sensibilizará principalmente os novos pacientes, os profissionais devem desenvolver o networking a fim de obter indicações por parte de outros profissionais clínicos.

A rede de contatos profissionais é uma forma de divulgar o trabalho clínico e científico, de conhecer novos profissionais e de formalizar parcerias frutíferas em longo prazo, além de ajudar a conhecer e avaliar novas condutas terapêuticas.

É aconselhável também que o médico participe ativamente de congressos de sua especialidade, publique artigos científicos em revistas de grande circulação entre os profissionais e se envolva em grupos nas redes sociais (LinkedIn, Facebook etc.) ou em aplicativos de mensagens instantâneas, sempre ponderando suas ações para não criar polêmicas.

A carreira médica de sucesso deve ser consolidada gradativamente e pode se beneficiar muito dos novos recursos disponíveis atualmente. É imprescindível que o médico busque aperfeiçoar seus conhecimentos científicos e sua forma de comunicação com o paciente.

Investir em novas estratégias com o uso de tecnologias para organização das rotinas, para o marketing pessoal e a ampliação da rede de contatos, com o intuito de divulgar sua imagem profissional, deve ser uma prática aliada à disciplina e, claro, à paciência.

E você, o que tem feito para melhorar sua carreira? Fique por dentro de novidades da área, seguindo nossa página no Facebook!

Avaliações
  • Artigo
5
Resumo
Carreira médica de sucesso: 7 dicas para alcanca-la!
Título
Carreira médica de sucesso: 7 dicas para alcanca-la!
Descrição
A carreira médica é uma trilha que deve ser traçada com responsabilidade, organização e conhecimento, para almejar destaque perante os demais concorrentes.
Autor
Empresa
xDoctor
Logo Empresa
Autor

Escreva um comentário

Share This
xdoctor

Assine nossa Newsletter

Receba conteúdo em primeira mão para melhorar a gestão e os resultados da sua clínica ou consultório!

Parabéns! Verifique seu e-mail para confirmar a sua assinatura. Caso não receba o e-mail verifique sua caixa de SPAM.